What?

sexta-feira, 29 de junho de 2012

Coisinhas Antigas de Caderno 01#

Assim como as estações, o amor se renova.
Assim como os invernos tortuosos, a solidão pesarosa é.
Assim como a lua cheia, a paixão é.
Mas quando o amor é verdadeiro, o tempo passa.

quarta-feira, 27 de junho de 2012

Coração Pula-Pula

É bem assim que ele vai e
vem vem vem vem
sacolejado e pisoteado
enchendo e esvaziando o fluxo sanguíneo
me fazendo respiração celular
informar meu cérebro
preu viver.

domingo, 24 de junho de 2012

Pensamentos Evidentes

Eu apenas sorrio ao olhar pra ti. Me faz bem. É tão espontâneo te admirar. Eu gosto disso. Sempre gostei de admirar o que é belo. E você é tão linda que eu não consigo parar de imaginar situações onde eu provoque teu sorriso. Gosto de te ver sorrir.

sexta-feira, 22 de junho de 2012

Ideias

Ideias fixas e paradas feito troféus em estantes, não é comigo. 
A ideia nunca para, ela se transforma a cada novo encontro com outras ideias.

quinta-feira, 21 de junho de 2012

Amor, para você, caro leitor.

- Olá, para você que acompanhou meu blog até hoje, muito obrigada. Hoje quero lhes falar de uns pensamento que me ocorreu sobre o amor há poucos instantes atrás.


Eu sei que um dia haverá um amor mútuo e bacana com alguém.
Alguém que vai captar essa mesma sensação no mesmo momento.
A única certeza que tenho, é que a morte existe.
Fora isso, tudo pode ser.
O amor existe.
Mas isso vai nos exigir muito tempo para realmente ser sentido naturalmente, pelo simples sorriso, gesto ou toque.
O amor está tão comercializado e vandalizado, que daqui a pouco poderemos "comprá-lo" na lojinha.
Não podemos comprar ou possuir o amor, ele nos possui, nós não.
Somos meros mortais ignorantes que na infinita decadência de sentir-se superior...
...afirmamos que estamos amando.
As pessoas não amam, elas... sei lá o nome deste sentimento maluco que chamam de amor.
Ah, mas acredite,
ele sabe sobre você.
E muito bem.
E quando tu menos esperar, ele irá se manisfestar lhe deixando a oportunidade de mergulhar ou não.
O mais bacana de tudo isso é que você é livre para escolher.

sexta-feira, 15 de junho de 2012

Sabe,

eu não sei explicar ao certo como tudo começou.

 Nossas conversas eram curtas, nossos encontros eram curtos. 
Nunca fomos muito parecidas. 
Hoje não consigo mais me imaginar sem ela. 
Eu não sei o que vi em sua pessoa, e nem sei o que vistes em mim é engraçado isso. 
E sei lá, até então, temos feito coisas bem divertidas e passamos por momentos inusitados. 
E assim caminhamos, juntas. 
Porque o mais bacana é quando não se planeja, geralmente sai melhor do que você imagina.

Você é importante pra mim.

segunda-feira, 11 de junho de 2012

poesia?

A a a a as
c c c coisa a as
s s s em sem as
A a a a as sa s

2OIS Mundos

Eu senti falta de muita coisa, me importei com coisas que não devia. Acho que eu deveria parar. Muitas vezes sinto que existem dois mundos, o meu mundo surreal onde me sinto bem sorrio e me divirto e a realidade, onde por muitas vezes sou quieta e a única coisa que sinto é pesar, frio e falta de amor. Esses dois mundos são meus e se misturam. Tenho que extrair o aprendizado de ambos. É complicado. Entendam apenas uma coisa, nos dois mundos sou eu, mas quando estou no mundo surreal, eu não me lembro de problemas, horários, compromissos. Consigo me desligar de tudo que me faz sentir mal. Esse mundo eu não sei quando criei mas, ele funciona tão bem, que às vezes parece ser tão real quanto minha vida.

"- É meu caro leitor, minha vida não é lá essas coisas devo dizer."

E honestamente, sou grata por muitas coisas que me aconteceram de bom e tento aprender com as coisas que  não foram boas. Estou tendo que ter paciência de monge pra determinadas coisas que me acontecem. Eu não sei até quando hei de aturar isso. Eu tenho dois caminhos. 
Não sei  se vou continuar a trilhar 2ois.

quinta-feira, 7 de junho de 2012

Sobre mim / About me

Tenho ideias mas, não posso desenvolver.
Que chato! =/

I have ideas but can't do it.
It is boring! =/


" Um sonhador romântico,

vive de que então? "

Vive de paixões, meu caro.

Filosofias em Conversas 02#

Não se escolhe no amor.
Por mais racional que tu sejas, se escolhe, não ama.
Apenas acreditou na ideia de estar amando.

Isadora S.

Filosofias em conversas 01#

Um sonhador vive de ideias.
Um romântico vive de ilusões.

Isadora S.

Mudanças

Hoje é a mesma coisa de amanhã. Criamos datas para acreditar que mudanças existem. 
Elas só existem quando você se mexer, se ficar parado, 
1º ou 31 não fará diferença.

quarta-feira, 6 de junho de 2012

Novo visual do blog, disponibilidade, eu

Eu sempre gostei de mudanças, mas, de todas as mudanças que fiz neste blog, essa me deixou muito contente. Mostrou que aprendi a lidar melhor com isso. Hoje quero falar sobre vontades x disponibilidades. Em determinados momentos você tem vontade de fazer várias coisas, mas, a disponibilidade do outro não é tanta quanto a sua. Então você fica um pouco frustrado, mas, não se deixe abater por isso. Se não deu certo neste caminho, tente outro. Um recado oficial para meus colegas de curta tragetória, a seguir.

terça-feira, 5 de junho de 2012

Diálogo

(:
diga agora
 
agora.
 
sim.
sempre.
 eternamente.
além do mar.
das dimensões.
te adoro.
sem restrições.

domingo, 3 de junho de 2012

A Fome que GRITA!

Foi o que disse para meu amigo agora pouco:

"Hoje chorei,
mas não pelo "assalto" em si.
Foi pelo descaso TOTAL do governo com essas pessoas
que vivem marginalizadas.
Doeu porque ele "gritou" mas eu sentia que a revolta e a fome provavelmente era maior do que eu, não era comigo.
E ele me despertou mano.
Ele não me tocou nem nada, só fez ameaça psicológica de que "não adianta eu correr senão eu te alcanço", aí eu falei pra ele ficar na boa.
Eu disse que não tinha grana, só tinha o dinheiro da passagem.
Ainda bem que eu tinha os dois reais trocados.
Mas depois eu chorei com o tamanho descaso velho.
As pessoas olham com dó para esses indivíduos,
mas ele só existe porque o governo alimenta isso,
esse sistema maldito e fodido alimenta isso."
Logo em seguida, num bar, me aparecem uns "burgueses" que assistiram a toda cena e ainda vieram fazer perguntas a respeito do que tinha acontecido.
Eu expliquei e falei da minha revolta e indignação com esse maldito governo.
Logo em seguida, uma moradora de rua sentada me pediu trocado para alimentar os filhos,
a única coisa que pude responder a ela além de falar o quão eu me sentia triste com essa situação foi:
"- Se eu te der algum trocado, eu não volto pra casa."
E fui para casa, triste e indignada.
Vi dois policiais, algo que para nossa sociedade fora criado para nos proteger de indivíduos que são esquecidos.
Cheguei a abordá-los.
Mas logo em seguida parei para refletir que a polícia ia criar toda uma coisa
por um indivíduo que não tinha culpa totalmente de passar por essa situação.
E além de tudo, eles são pastores e nós somos ovelhas. A única função da polícia é nos manter
na cerca.
Além do mais, aquele dinheiro não faria muita falta para mim, minha vida me importa mais.
A tecnologia ainda irá deixar muitos na pobreza em todos os sentidos falando,
ela há de nos matar.